Projeto Mulheres Virtuosas – CVL

18/03/2015

#‎GeraçãoDeRenda‬ ‪#‎TrocasDeExperiências‬ ‪#‎OficinasDiversas‬
Nesta terça-feira a tarde, o Projeto Mulheres Virtuosas – CVL esteve no Instituto Eurobase – Cj. União da Vitória -, ministrando oficinas de artesanato com restos de tecidos, produtos de limpeza caseiros, horta orgânica, culinária, dinâmicas de grupo, além de sorteios de brindes para cerca de 20 mulheres! O nosso muito obrigada a empresa Mônica Negreiros que nos doou os tecidos; ao Instituto Eurobase pelo apoio e as nossas voluntárias Nivea, Denise e Ana que compartilharam seus conhecimentos e talentos. No próximo mês, o projeto visitará um novo bairro!

Projeto Mulheres Virtuosas União março_2015


Agradecimentos: Projeto Mulheres Virtuosas

18/03/2015

#‎ProjetoMulheresVirtuosas‬ ‪#‎OficinaDeArtesanato‬ ‪#‎RestosDeTecidos‬

Agradecimentos:

O projeto Mulheres Virtuosas agradece a Empresa Mônica Negreiros pela doação dos tecidos para realização da oficina de artesanato; ao Instituto Eurobase que nos cedeu o local e o apoio de toda a equipe, além das voluntárias Nivea, Denise e Ana pelas brilhantes participações! O projeto foi um sucesso graças a colaboração de cada um! O nosso muito obrigada!

Artesanato Mulheres Virtuosas União


Projeto Reforma da Casa de Dona Ana – Cj. União da Vitória

18/03/2015

#Desafio

Nesta terça-feira a tarde, após o Projeto Mulheres Virtuosas, a equipe de voluntários do CVL realizou uma nova visita a casa da Dona Ana e sua família. Dona Ana, seus netos e filhos estão muito esperançosos com a reforma da casa da família! Ajude você também neste desafio! Contato com os projetos Casa Alabastro – Mary, Doações Aqui – Patrícia e CVL – Daniela. O nosso muito obrigada a tod@s!

 

Casa Dona Ana visita


Agradecimento aos voluntários

11/03/2015

O nosso muito obrigada a tod@s os voluntários! Que Deus continue abençoando a cada um que não cansa de fazer o bem!

Um grande abraço. Equipe dos Projetos Sociais Doações Aqui, Casa Alabastro e Centro Voluntário de Londrina.

Agradecimento voluntários


União de forças pelo voluntariado

11/03/2015
11/03/2015 — 00h00
 Três projetos sociais de Londrina e Cambé se juntam em ações voltadas a ajudar moradores carentes
Fotos: Ricardo Chicarelli
Projetos sociais trabalham juntos em ações com moradores em extrema condição de vulnerabilidade
Voluntários arrecadam brinquedos e ovos de chocolate para distribuir na Páscoa, entre outros produtos
Londrina – O esgoto corre a céu aberto pela Rua dos Farmacêuticos, no Jardim União da Vitória, extremo sul de Londrina. Caminhando pelo bairro, desviando de poças e lama, Analdina Maria de Jesus, de 64 anos, observa as placas: Rua dos Panificadores, Comerciantes, Arquitetos, Jornalistas. Ela fecha os olhos e tenta imaginar a profissão que escolherá cada um dos oito netos que cria. “Meu sonho é que todos possam estudar e que tenham um futuro melhor”, comenta.

O problema é que as dificuldades são muitas, a começar pela precariedade do casebre onde mora. Há 17 anos, ela juntou alguns pedaços de madeira e começou a construir um barraco. Com o aumento da família, precisou ampliar a moradia improvisada. A chuva e o vento ultrapassam com facilidade as frestas entre as madeiras e os buracos nas telhas de amianto. A umidade da terra desnivelada também incomoda. Apesar de ser nome de rua próxima, arquiteto para ela é um sonho distante. “Só a calçada de cimento que foi um genro que fez, mas toda a madeira eu empilhei, preguei, amarrei”, orgulhou-se. “Tem gente que tem vergonha de dizer que mora em barraco. Eu não, fiz tudo honestamente”, completa.

Das oito crianças com idades entre 2 e 12 anos, seis são da mesma filha, que separou-se do marido e deixou as crianças com Analdina. Os outros dois netos são de outra filha que mudou-se para São Paulo. Da aposentadoria de um salário mínimo que recebe, 30% estão comprometidos com um empréstimo que fez para ajudar parentes. Em meses mais difíceis, recebe ajuda de entidades assistenciais e voluntários. O drama de Analdina e dos netos chamou a atenção de três projetos sociais que trabalham juntos em ações com moradores em extrema condição de vulnerabilidade: Casa Alabastro e Centro Voluntário, de Londrina, e Doações Aqui, de Cambé. Nesta semana, eles levaram brinquedos e doações para a família de Analdina.

Histórias como a da aposentada com oito netos motivaram a microempresária Mariane Rodrigues de Carvalho. Ela, que trabalhava no Hospital do Câncer, ingressou na causa do voluntariado há três anos, apesar de todas as dificuldades. “Este caso nos comoveu bastante, são pessoas que precisam de ajuda não só do governo”, avalia. Sem espaço adequado, Mariane não deixa de amparar quem precisa de fraldas, leite, medicamentos e brinquedos. A Casa do Alabastro funciona há dois anos, tem dez voluntários fixos e atende cerca de 750 crianças carentes e pacientes de câncer em todas as regiões de Londrina.

Com os número de ações crescendo em ritmo acelerado, a casa onde mora já não dá mais conta em abrigar a sede do projeto. Mariane encaminhou vários ofícios à Prefeitura de Londrina, entidades e até mesmo pessoas físicas. “Precisamos de uma sede para continuar com os trabalhos. Um barracão seria ideal. Contamos mais uma vez com a solidariedade das pessoas”, faz o apelo.

Recentemente, Mariane firmou parceria com Patrícia de Souza Duarte, que há dois anos toca o projeto Doações Aqui, em Cambé. Patrícia conta que começou ajudando os vizinhos necessitados e quando viu, já estava com uma grande demanda de casos para atender. Em comum, as duas utilizam a internet para conseguir arrecadações e organizar eventos. “A internet é uma ferramenta muito útil, temos conseguido despertar a solidariedade das pessoas com pedidos de ajuda para quem necessita”, conta Patrícia.

DOAÇÕES
A Casa do Alabastro está fazendo arrecadação de ovos ou barras de chocolate e brinquedos para entregar para crianças carentes nesta Páscoa. Do total de 750 ovos que pretende distribuir, 240 já foram arrecadados. “Quanto mais doações conseguirmos, melhor. Assim, levamos mais alegria para quem já tem uma vida difícil.” Já os moradores de Cambé podem entrar em contato com o Doações Aqui.

SERVIÇO:
Casa Alabastro. Rua Coimbra, 254, Jardim Piza, Londrina. Fone: (43) 3351-3986.

Doações Aqui. Rua Bento Munhoz da Rocha, 469, Jardim Castelo Branco, Cambé. Fones: (43) 3154-8315 e 9901-1549.

Celso Felizardo
Reportagem Local

Ponte entre voluntários e entidades

11/03/2015

Londrina – Em muitos casos, o sucesso do voluntariado depende de uma ponte entre quem se dispõe a colaborar e as entidades. Desde 2003, o Centro Voluntário de Londrina (CVL) trabalha fazendo o encaminhamento de voluntários a projetos sociais. Segundo a coordenadora do projeto, Daniela Resende Faria, muitas pessoas têm vontade de ajudar, de fazer alguma boa ação para o próximo, mas não sabem como proceder.

“No primeiro contanto, explicamos como funciona, analisamos as vocações e listamos as opções que mais combinam com o perfil do interessado”, explica. Ao todo, são mais de 40 entidades ligadas ao CVL. A internet e as palestras em escolas, igrejas e associação de bairros são os principais meios de divulgação do trabalho. Como o grupo não possui uma sede, todos os atendimentos são feitos por indicações ou pelo site. “Muitas pessoas procuraram na internet como ser voluntário em Londrina e caem no nosso site”, conta.

Além do intermédio, a ONG conduz vários projetos, entre os quais se destacam as atividades com crianças carentes, programa de empregabilidade e cursos de capacitação para mulheres de baixa renda. “Muitas pessoas despertaram para a importância do trabalho voluntário nos últimos anos, mas a adesão ainda é baixa. Então quem tem interesse em ajudar o próximo é sempre bem-vindo”, destaca.

Para mais informações, acessar o site do CVL pelo http://www.voluntarioscvl.org (C.F.)

Folha de Londrina – 11/03/2015
Link: Ponte entre voluntários e entidades
http://www.folhaweb.com.br/?id_folha=2-1–1117-20150311

Vídeo: Entrevista com a Dona Ana do Cj. União da Vitória e imagens do Projeto Amar e Educar

11/03/2015

Este vídeo mostra um pouco do Projeto Amar e Educar realizado no Cj. União da Vitória com os netos da Dona Ana e uma entrevista com esta avó maravilhosa que, com muito amor e dedicação, cuida de seus oito netos e três filhos! Convidamos tod@s a estarem participando juntamente com os Projetos Doações Aqui, Alabastro Oleiro Alabastro e CVL – Centro Voluntário de Londrina na realização de um grande sonho: a reforma da casa desta família! O nosso muito obrigada a tod@s que têm nos apoiado neste desafio! Grande abraço.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.